Analise: AEG ICS G33 Assault Rifle

Features
Review informations
Category Replicas
Subcategory Assault rifle
Model G33
Brand ICS
Propulsion Electric
Shoot modes Single Auto
Range 40 meters (131.23 feet)
Magazine cap 300
Weight 2500 grams (5.51 lbs)
Size 74 centimeters
General Informations
Creation date November 16, 2012
Views 3694
Comments 0
Likes 1
Language Português
Confidentiality Public



Type

Subject

Description




Your request has been sent to the content admin. here

Baseada num dos modelos mais usados no Airsoft luso e não só, a G33 é a nova aposta da ICS para não só combater a hegemonia das AR-15 como introduzir um conceito de arma leve, ergonómica e indicada a espaços confinados, sempre com a qualidade da I Chin Shivan. De notar, porém que esta não é só "mais um clone da G36", há diferenças e não são poucas. Ora vejam.

G33 Review em português

Confesso-me fã inveterado do conceito da AR-15. Este modelo já deu provas em vários teatros de operação e claro que no Airsoft não conta só a fama. A quantidade de acessórios que as AR-15 possuem é invejável, mas uma das coisas que mais gosto entre as minhas M4 e M16 é o facto de usarem os mesmos carregadores (magazines). Podem achar que não é motivo suficiente para optar por uma réplica, mas as dores de cabeça que causam procurar um carregador para uma réplica específica é o suficiente para causar frustração.

No caso dos clones da HK G36C no mercado, os carregadores originais de encaixe próprio, geralmente, eram comuns a todas marcas do mundo do Airsoft, com uma ou outra diferença. Mas sem dúvida que quando soube que a ICS estava a conceber a G33 ficou claro que ESTA era a arma que eu devia adquirir. Isto porque a G33 usa carregadores tipo STANAG, ou seja, iguais às que equipam uma vasta maioria das AR-15 do mundo do Airsoft. Mas mais do que isso, a ICS pegou no desenho da G36C original e não se limitou a copiar de forma leve o desenho da famosa arma de assalto da Heckler & Koch. Recriou-a e diria até que a melhorou!

À partida, parece que estamos perante uma G36C com algumas modificações. Até mesmo a construção inteiramente em plástico (um plástico, diga-se de excelente qualidade ao nível do que as armas reais usam hoje em dia) mereceu a atenção na construção da AEG. As miras sofreram uma pequena alteração, embora a frontal seja muito parecida à original da G36C a traseira é tipo AR-15 com duas posições, deixando as típicas miras toscas que, honestamente, não apreciava mesmo. Outros pormenores são, por exemplo, o "carry handle" no topo que se mantém, embora ligeiramente mais recto, ou o desenho geral da pega do gatilho, do fuste e do corpo da arma que possuem pequenas modificações na textura que só um olhar atento descobre, mas há algumas diferenças maiores.


Claro está que o "mag well" (zona de encaixe do carregador) adaptado para carregadores de AR-15 é a diferença mais visível, assim como a coronha, um desenho exclusivo da ICS. Mas outros pequenos pormenores como a inclusão de um ponto para sling na base do corpo e um tapa-chamas exclusivo (em plástico) estão à vista. Notem também que o carry handle não é exactamente igual à G36 original e o fuste possui um rail Picatinny em todo o comprimento em baixo fazendo desaparecer o sling point na ponta da arma, que hoje em dia já poucos usam dada a popularidade dos slings de um ponto. Notem também o pequeno rail no topo que é ideal, por exemplo para lasers, lanternas ou mesmo um AN-PEQ.




O sistema adoptado pela ICS para "mag release" é um sistema duplo. Dado que o "mag well" foi adaptado para receber carregadores STANAG, o encaixe do mesmo é feito num movimento de baixo para cima até o mesmo ficar preso no clip lateral. Isto permitiu à ICS desenhar um sistema de botão, em tudo semelhante ao sistema AR-15, mas também uma palheta ambidextra tipo "AK" para os que estão habituados ao esquema original da G36. Genial.


Também está presente a famosa "charging handle" ambidextra que abre o "bolt cover" onde se esconde a câmara de Hop que pode ser ajustável com um anel vertical. Este sistema é, quanto a nós, uma solução mais práctica que o famoso sistema de roda lateral. Não só é mais fácil de acertar com a quantidade de Hop que a BB precisa, como facilita caso de serem usadas luvas, como a maioria de nós usa em jogo.


A já mencionada coronha é um desenho exclusivo da ICS, como já dissemos. A sigla "SFS" quer dizer "Situation Flexible Stock" ou traduzido, "Coronha de Situação Flexível". Vimos pela primeira vez esta coronha nas MX5 da ICS e não podemos deixar de apreciar o desenho exclusivo e ergonómico. A extensão é ajustável em quatro posições e possui um "cheek rest" também ajustável noutras quatro posições, além da possibilidade de o rebater. Ou seja, é um "crane/folding-stock" e como o seu nome indica, é flexível para várias situações. Notem também o ponto para sling QD disponível de ambos os lados.


Na hora de meter a G33 a trabalhar, é preciso colocar uma bateria. Para isso, a ICS inseriu jeitosamente o ponto de alimentação inserido no fuste. O cabo com ficha e fusível integrado é acessível removendo um único perno com travão (imagem à esquerda). Esta solução permite rapidamente a inserção ou remoção da bateria. Infelizmente o espaço não é muito grande, mas as baterias tipo LIPO não terão problemas. No nosso caso conseguimos colocar uma LIPO 7.4 de 1200 mAh (perfil fino) sem problema.


A nível de acesso ao interior da AEG e respectiva remoção da Gearbox, decidimos não sermos exaustivos a esse ponto, por acharmos que fugíamos demasiado ao âmbito da nossa análise. No entanto, podemos assinala que isso se faz em dois passos. Primeiro remove-se o "mag well" e empurra-se o bocal da câmara de Hop para a frente. Depois coloca-se a posição de tiro "single" e pressiona-se um pequeno botão junto ao gatilho e toda a Gearbox sai por inteiro.

O que gostamos mesmo é essa opção de poder remover o "mag well", o que para manutenção é bastante útil. A câmara de Hop está firmemente encostada à gearbox e o nozzle da mesma possui um pequeno o-ring para evitar fugas. Não dá para ver bem na imagem da direita, mas o pequeno cano que sai desde o carregador até à câmara de Hop em si possui um ângulo e está offset. A solução encontrada pela ICS para adaptar os carregadores de AR-15. Apesar deste pequeno ajuste, não vimos qualquer problema no seu funcionamento até à data.


Não podemos deixar de mencionar a performance desta arma. Apesar de não ter tido oportunidade de a testar no terreno de jogo, fiz algum tiro de média distância (20 metros) e gostei do grouping, relativamente fechado, uma abertura aproximada de 5 cm, o que para 20 metros é excelente.

Em "Chronny" esta AEG está a debitar em média uns 370 FPS com munições de 0,20mm, aceitável com os anunciados 365 FPS em média (medições de fábrica). Em termos de distância, nos limites dos nossos testes atingimos à vontade os 30 metros, mas é algo que iremos confirmar com mais exactidão.

De notar que usámos as miras de origem da arma e não tivemos qualquer interesse em ajustar a mira. O intuito era disparar fora da caixa. Se repararem nem a característica etiqueta tirámos da réplica. Não fizemos nenhum upgrade ao sistema e usámos o carregador de origem para evitar manipulação. No rigor, um bom ajuste de hop pode reduzir o grouping e o uso de mira também.

Claro que qualquer Airsofter gosta de personalizar a sua arma. Neste caso, como gosto muito do contraste entre a cor de terra (Tan) e o preto, decidi colocar uma pega frontal da ICS, um supressor Stubby da King Arms, uma lanterna Walther e Red Dot Sight também da Walther, todos em preto. O resultado foi o que podem ver em baixo. E para provar que esta AEG funciona mesmo com magazines de AR-15 até coloquei um PMAG (MidCap) original da Magpul em Tan que funcionou perfeitamente.

Características:

Tipo: Arma Eléctrica de Airsoft (sem Blowback)
Peso : 2,5 Kg
Comprimento: 745 mm (515 mm com coronha rebatida)
FPS (Média) : 370 FPS
Composição : Corpo e externos em plástico, Gearbox e internos em Metal
Selector: Safe, Semi-Auto, Full Auto - Ambidextro


Incluído na caixa: AEG, Saco de BBs de cortesia (.20), Vareta de limpeza, Carregador de 370 BBs tipo Canadian, cobertura de tapa-chamas em plástico laranja, Instruções de utilização e CD com catálogo ICS.

A ICS G33 Assault Rifle está disponível em Preto e Tan.
[link do produto]


Conclusion

Veredicto:

Esta é mais uma réplica de Airsoft que não podemos ficar indiferentes e mais uma vez vem da ICS. Esta empresa já no passado nos surpreendeu com os seus desenhos de qualidade e com a sua visão de futuro. O desenho das gearboxes modulares da suas AR-15, por exemplo é um passo em frente na concepção das AEGs de Airsoft.

Neste caso, a ICS não se limitou a lançar mais um dos muitos clones da já mencionada G36C. A G33 é uma arma de óptimo aspecto e performance. Adorei a possibilidade de pegar em magazines de M4, tão populares e usá-las nesta AEG. Também adorei o redesenhar do fuste e coronha. Não é todos os dias que encontramos um compromisso entre design e performance, baseado num conceito real, tão bem adaptado às nossas realidades. E o facto de termos recebido este modelo em Tan (modelo 234) é outro factor positivo porque a cor de terra fica-lhe a matar!

Negativo? Talvez o facto de fugir tanto à G36 original afaste os mais puristas que gostam de réplicas e não de conceitos. Confesso que também não gosto de invenções. Mas também acho que as modificações não mexem no ADN da G36 no seu rigor. Também não gostei do tapa-chamas em plástico. Não só o material é propenso a impactos estando na ponta da AEG, como o material usado não é o mesmo do resto da arma e é algo quebradiço. Mas façam como eu, tirem-no e coloquem outro ou mesmo um supressor.

No final o que a AEG tem de positivo justifica as suas pequenas falhas. A ligeireza do equipamento aliada ao plástico de qualidade, a destreza do manuseio e as soluções inteligentes da ICS fazem desta uma arma recomendada por nós.

Equipamento para análise gentilmente cedido pela I Chin Shivan
www.icsbb.com

Pros:
- Compacta
- Leve
- Aceita carregadores de M4
- Coronha completamente adaptável
Cons:
- Foge um pouco à G36
- Tapa chamas de plástico
Esthetism rating: 9/10
Performance rating: 9/10
Precision rating: 8/10
Accessories rating: 9/10
Quality rating: 9/10
Overall rating:
9/10
Comments
AirsoftPortugal







This content will be permanently deleted. Are you sure?

This content will be permanently deleted. Are you sure?

I certify i have the right to distribute this contents and they do not violate the Terms of Use

Description


This resource will be permanently deleted.
Are you sure?

Are you sure that you want to delete this photo?

Message